SEEB Bauru

Sindicato dos Bancários e Financiários
de Bauru e Região

CSP

Notícias

Dia da Consciência Negra

21/11/2018

Compartilhe:

“Ninguém nasce odiando outra pessoa pela cor de sua pele, por sua origem ou ainda por sua religião. Para odiar, as pessoas precisam aprender, e se podem aprender a odiar, elas podem ser ensinadas a amar.” – Nelson Mandela

Infelizmente o racismo estrutural ainda permanece no mercado corporativo brasileiro. Segundo o IBGE, em 2012, do total de 7,6 milhões de pessoas desempregadas no país, 59,1% eram negros e negras (48,9% pardos e 10,2% pretos, como denomina o IBGE) e 40,2% eram brancos. No terceiro trimestre deste ano, o número de desempregados subiu para 12,5 milhões. Deste total, 64,2% eram negros e negras (52,2% pardos e 12% pretos). Já a participação dos brancos nesse contingente de desocupados reduziu para 34,7%.

O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), que leva em consideração critérios como educação, expectativa de vida e renda per capita, demonstra que há um abismo de 61 países entre o Brasil negro e o Brasil branco. No ranking de qualidade de vida, os brancos ficam em 46º lugar e os negros em 107º lugar, pior que todos os países africanos, inclusive a Nigéria e a África do Sul.

O Sindicato dos Bancários de Bauru e Região ressalta a importância da luta contra o racismo, a desigualdade, a discriminação e o retrocesso! O Dia da Consciência Negra é um dia de refletir, debater, conscientizar, enaltecer, respeitar, resistir e lutar. Hoje, também!

Notícias Relacionadas

Contra assédio e ameaças de demissão: Sindicato realiza mais um protesto em uma agência do Bradesco

Bradesco 29/06/2022

Bradesco, nos ouça! Sindicato protesta contra demissão de bancária portadora de deficiência auditiva

Bradesco 28/06/2022

Bancários esgotados: Mais de 5 mil trabalhadores pedem demissão em 4 meses

28/06/2022

Newsletter