SEEB Bauru

Sindicato dos Bancários e Financiários
de Bauru e Região

CSP

Notícias

Confederação Nacional do Transporte defende o fim da Justiça do Trabalho e do TST

14/12/2018

Compartilhe:

A Confederação Nacional do Transporte (CNT), que apoiou a candidatura do presidente eleito Jair Bolsonaro, divulgou nota defendendo o fim da Justiça do Trabalho e a extinção do Tribunal Superior do Trabalho (TST).

“É lamentável o que vem acontecendo no TST. No momento em que existe uma nova Legislação Trabalhista, que modernizou muito a relação patrão/empregado, o TST continua com suas súmulas antigas, que vem causando confusão na primeira instância, com decisões contrárias às novas leis trabalhistas, e gerando insegurança jurídica para os empresários”, afirmou Clésio Andrade, presidente da CNT.

Para Clésio, o Tribunal Superior do Trabalho deveria ser extinto no novo governo e suas funções repassadas ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), para “garantir um olhar menos enviesado da Justiça”.

O Sindicato dos Bancários de Bauru e Região não concorda com o posicionamento da CNT. Mesmo longe da estrutura ideal, a Justiça do Trabalho ainda serve de balança na relação tão fragilizada entre o empregador e empregado.

 

Notícias Relacionadas

“BB + leve”: Banco avança com transformação de agências em lojas e coloca em risco vida de bancários e clientes

Banco do Brasil 24/06/2022

SEXTOU: ARRAIÁ DO SINDBAR É HOJE! ESPERAMOS VOCÊS!

24/06/2022

VOTE “NÃO” na consulta pública sobre retirada de patrocinador dos fundos de pensão

24/06/2022

Newsletter