SEEB Bauru

Sindicato dos Bancários e Financiários
de Bauru e Região

CSP

Notícias

Sindicato protocola no MPT denúncia contra descomissionamentos do BB

02/05/2018

Bancos: Banco do Brasil

Compartilhe:

No dia 26, o Sindicato dos Bancários de Bauru e Região protocolou no Ministério Público do Trabalho uma representação contra os descomissionamentos irregulares do Banco do Brasil.

São irregulares porque, no acordo coletivo aditivo (ACT) celebrado entre o BB e seus funcionários, há regras bem definidas para os descomissionamentos. O ACT estabelece que, para os gerentes médios e assistentes perderem seu adicional de função, são necessários três ciclos avaliatórios consecutivos de GDP com desempenhos insatisfatórios.

Na denúncia apresentada ao MPT, foram citados nominalmente o superintendente da Estadual Oeste, Euzivaldo Vivi, e a gerente regional, Cristiane Albuquerque, como os responsáveis por uma política de constantes ameaças aos bancários, independentemente do cumprimento ou não de metas. O resultado é que, na denúncia, são listados mais de 30 trabalhadores descomissionados de 2017 para cá.

A petição cita ainda duas denúncias anônimas que o MPT já havia recebido contra as práticas da gerente regional.

O Sindicato espera que o MPT abra processo investigatório para apurar o que está ocorrendo na Estadual Oeste do BB e, consequentemente, que cesse o assédio no banco.

Notícias Relacionadas

BB afirma que apenas funcionários da área de TI são liberados para exercer 100% das atividades em home office

Banco do Brasil 23/11/2022

Sindicato conquista na Justiça nulidade de pena disciplinar aplicada em bancário do BB

Banco do Brasil 21/11/2022

BB lucra R$ 8,4 bilhões no terceiro trimestre do ano

Banco do Brasil 18/11/2022

Newsletter