SEEB Bauru

Sindicato dos Bancários e Financiários
de Bauru e Região

Notícias

Santander deve retificar comunicado que ameaça bancários sem a CPA-10

22/08/2019

Bancos: Santander

Compartilhe:

Desrespeitando o que diz a Resolução nº 3.158/2003 do Banco Central, o Santander tem dado um prazo de apenas 90 dias para que seus gerentes de negócios obtenham a certificação CPA-10. A resolução do BC determina que esse prazo seja de um ano, a ser contado a partir do dia em que o bancário começa a exercer “as atividades de distribuição e mediação de títulos, valores mobiliários e derivativos”.

A função de gerente de negócios foi criada em maio, quando o Santander promoveu modificações na sua estrutura de cargos – e também na rede de agências, extinguindo os caixas em algumas delas.

A obtenção da CPA-10 em 90 dias começou a ser cobrada no início do ano, por meio de um comunicado dirigido a todos os empregados, sem levar em conta as especificidades de cada um.

Desde então, essa cobrança tem causado apreensão entre os bancários, que temem perder o cargo ou até mesmo serem desligados caso fracassem em obter a certificação no prazo irregular estipulado pelo banco.

Após toda a repercussão negativa, o Santander reconheceu que o comunicado está mal escrito e garantiu que não afastará nenhum bancário que não obtenha a certificação.

Enquanto o banco não retificar publicamente seu posicionamento, o Sindicato dos Bancários de Bauru e Região orienta os trabalhadores a não assinarem nenhum comunicado que não contenha informações claras ou que contrarie normas ou convenções e acordos coletivos. Qualquer dúvida, entre em contato com a entidade.

Cursos
Pouco tempo atrás, o Sindicato ofereceu aos associados cursos gratuitos para as provas de CPA-10 e CPA-20. Em breve, novas turmas serão abertas. Sindicalize-se!

Notícias Relacionadas

Santander é condenado a pagar mais de R$ 110 mil a lesionado que foi vítima de perseguição

Santander 17/02/2020

Santander Duque na mira do Procon

Santander 10/02/2020

Metas via WhatsApp são proibidas!

Banco do Brasil 03/02/2020

Newsletter