SEEB Bauru

Sindicato dos Bancários e Financiários
de Bauru e Região

CSP

Notícias

Santander demite bancários em Santa Cruz e Piraju

23/03/2022

Bancos: Santander

Compartilhe:

O Santander, que já foi condenado no ano passado a pagar R$ 50 milhões após a realização de demissões em massa durante a pandemia, voltou a fazer mais vítimas de sua ganância e desrespeito. Desta vez, um bancário que atuava em Santa Cruz do Rio Pardo e outro em Piraju, foram demitidos sem justificativa.

O bancário de Santa Cruz do Rio Pardo era gerente PJ (Pessoa Jurídica) e havia voltado a pouco tempo de licença médica após ser acometido por doença psiquiátrica, por conta da rotina de trabalho. Já o trabalhador demitido de Piraju atuava como gerente administrativo e estava há 32 anos no banco.

O Sindicato dos Bancários de Bauru e Região já disponibilizou apoio jurídico aos trabalhadores e irá realizar manifestações contra essas demissões ainda nesta semana. No caso do gerente de Santa Cruz, a entidade irá à Justiça pela reintegração do trabalhador.

Um banco que fechou o ano de 2021 com lucro de R$ 16,347 bilhões, alta de 7% em relação a 2020 (R$ 13,469 bilhões), não tem motivos para demitir, principalmente durante a crise sanitária. Basta de insensibilidade, Santander!

(Na foto, protesto contra as demissões que ocorreram no Santander de Santa Cruz do Rio Pardo em agosto de 2021)

Notícias Relacionadas

Sindicato vence ação e bancária do Santander recebe quase R$ 400 mil por danos materiais e morais

Santander 29/09/2022

Assembleia sobre acordo aditivo do Santander e PPRS acontece nesta segunda, dia 26. Participe!

Santander 26/09/2022

Santander paga adicional do VA no dia 30, junto com a primeira parcela da PLR

Santander 22/09/2022

Newsletter