SEEB Bauru

Sindicato dos Bancários e Financiários
de Bauru e Região

CSP

Notícias

Brasil é o segundo pior país para se aposentar, segundo pesquisa global

16/09/2022

Compartilhe:

Em um ranking global com 44 países, o Brasil foi classificado como o segundo pior lugar para se aposentar, ficando atrás apenas da Índia, de acordo com pesquisa da consultoria de investimentos Natixis.

Para chegar ao resultado final, a pesquisa cruzou diferentes dados relativos à saúde, qualidade de vida, inflação e bens materiais. O índice avalia países integrantes de blocos econômicos como a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) e os BRICS, do qual o Brasil faz parte.

No Brasil, a pior nota foi atribuída ao acúmulo de bens materiais. Os demais países latinos que apareceram na pesquisa também estão entre os dez piores locais, quando se trata de bens materiais. Os fatores para a nota ruim nesta categoria são cumulativos, e consideram a igualdade salarial no país, a renda per capita e a taxa de desemprego.

O país também aparece em penúltimo, perdendo para a Rússia, na análise do valor da aposentadoria média obtida. Neste requisito, além da inflação, é considerada a dependência financeira da aposentadoria na terceira idade, o endividamento do governo e as políticas públicas voltadas para a aposentadoria.

Para o Sindicato dos Bancários de Bauru e Região, com a reforma da Previdência, planejada por Guedes e Bolsonaro e aprovada em 2019, a situação dos trabalhadores brasileiros piorou de uma forma perversa. Após as mudanças na regras, a imensa maioria da população brasileira deverá trabalhar até morrer, sem se aposentar.

Veja os melhores países para se aposentar:

  1. Noruega
  2. Suíça
  3. Islândia
  4. Irlanda
  5. Austrália
  6. Nova Zelândia
  7. Luxemburgo
  8. Holanda
  9. Dinamarca
  10. República Tcheca
  11. Alemanha
  12. Finlândia
  13. Suécia
  14. Áustria
  15. Canadá
  16. Israel
  17. Coreia do Sul
  18. Estados Unidos
  19. Reino Unido
  20. Bélgica
  21. Eslovênia
  22. Japão
  23. Malta
  24. França
  25. Estônia
  26. Polônia
  27. Cingapura
  28. Portugal
  29. Chipre
  30. Eslováquia
  31. Itália
  32. Hungria
  33. Lituânia
  34. Chile
  35. Letônia
  36. México
  37. Rússia
  38. Espanha
  39. China
  40. Grécia
  41. Turquia
  42. Colômbia
  43. Brasil
  44. Índia

 

Notícias Relacionadas

Nota de falecimento: Luiz Alberto Hoshino, bancário aposentado do BB

Banco do Brasil 29/09/2022

Bancários alcançaram R$ 23.564,98 em verbas relacionadas à alimentação em 2022

29/09/2022

Sindicato vence ação e bancária do Santander recebe quase R$ 400 mil por danos materiais e morais

Santander 29/09/2022

Newsletter