SEEB Bauru

Sindicato dos Bancários e Financiários
de Bauru e Região

CSP

Notícias

Santander é fiscalizado pelo Procon

Órgão de defesa do consumidor visitou agência 0004 em Bauru e agência de Santa Cruz do Rio Pardo

21/10/2019

Bancos: Santander

Compartilhe:

Após reestruturar seu modelo de agência, as filas que já não eram pequenas se tornaram ainda maiores no Santander. A consequência é a irritação de clientes e usuários e o desgaste dos bancários que se desdobram para dar conta de tanto serviço.

Por conta de todo esse caos, o Procon (Programa de Proteção e Defesa do Consumidor) recebeu denúncias e no dia 10 fiscalizou a agência 0004 em Bauru, localizada na Rio Branco, e uma semana antes, a agência Santa Cruz do Rio Pardo.

A fiscalização foi realizada baseada na Autorregulação Bancária número 4, Art. 10, que define “ Nas praças que não possuam regulamentação por lei estadual ou municipal, o tempo máximo de espera para atendimento nos guichês de caixa será de até 20 minutos em dias normais e de até 30 minutos em dias de pico”.

Na agência 0004, apenas dois caixas estavam funcionando com o Procon chegou e mais de 30 pessoas aguardavam atendimento.

O Sindicato dos Bancários de Bauru e Região esteve no Procon e solicitou fiscalização em duas das agências do Santander: a Duque de Caxias e a Altos da Cidade, onde as filas também se acumulam.

Para tratar dos problemas no Santander, o Sindicato estará em São Paulo nesta quarta-feira, 23, em uma reunião com o setor de relações sindicais do banco.

Notícias Relacionadas

Em 5 anos, principais bancos do país fecharam mais de 4 mil agências

Banco do Brasil 21/06/2022

Santander terceiriza setor de investimentos e bancários são “convidados” a pedir demissão

Santander 13/06/2022

Deputados federais devem participar de audiência pública sobre abertura de bancos aos sábados e domingos, nesta quarta-feira

Banco do Brasil 08/06/2022

Newsletter