SEEB Bauru

Sindicato dos Bancários e Financiários
de Bauru e Região

CSP

Notícias

Natal do Itaú: bancários são presenteados com demissões, assédio e adoecimento

Bancários da agência Falcão Bauru e da agência Agudos, são demitidos sem justa causa

27/12/2019

Bancos: Itaú

Compartilhe:

Em tempo de festas de fim de ano e de confraternização nas empresas, duas semanas antes do Natal, o Itaú “presenteou” uma bancária, que trabalhava no banco há 12 anos, com a demissão sem justa causa.

No dia 19, o Sindicato dos Bancários de Bauru e Região realizou um protesto em frente à agência do Itaú da Falcão, em Bauru, onde a bancária trabalhava. No ato, a entidade protestou contra os diversos “presentes” do Natal Itaú: demissões, assédio moral, sobrecarga de trabalho, metas abusivas e adoecimento.

A demissão dessa bancária é mais uma dentre diversas em Bauru e região. Na semana retrasada, o banco também demitiu sem justa causa um bancário da agência de Agudos. Já em novembro, o banco demitiu três trabalhadoras.

Agência fechada

No início de dezembro, o Itaú fechou a agência localizada na rua Primeiro de Agosto, em Bauru. Com isso, bancários foram realocados para as outras agências da cidade.

No entanto, o Sindicato acredita que as demissões citadas acima já sejam em consequência do que o banco considera “excesso” de funcionários.
O banco alega que os funcionários foram demitidos por queda de performance, de produtividade. Mas a cobrança de metas cada vez mais elevadas é a principal causa de adoecimento entre os bancários – o que é muito grave, pois a categoria bancária é uma das campeãs em afastamentos por doenças psiquiátricas.

O Itaú é o banco que mais ganha dinheiro no País. No ano passado, teve o maior lucro da história do sistema financeiro brasileiro: R$ 25 bilhões! Mesmo com lucros recordes, o banco descarta seus funcionários que foram fundamentais para a conquista desses altos números.

De acordo com o último balanço, o banco cortou quase mil empregos entre julho do ano passado e junho de 2019. O Sindicato não aceita essas injustas demissões! A entidade está dando todo apoio aos trabalhadores dispensados e levará os casos à Justiça.

Notícias Relacionadas

Em 5 anos, principais bancos do país fecharam mais de 4 mil agências

Banco do Brasil 21/06/2022

Itaú demite funcionários adoecidos e dirigentes sindicais, na Colômbia

Itaú 21/06/2022

Deputados federais devem participar de audiência pública sobre abertura de bancos aos sábados e domingos, nesta quarta-feira

Banco do Brasil 08/06/2022

Newsletter