SEEB Bauru

Sindicato dos Bancários e Financiários
de Bauru e Região

CSP

Notícias

Em audiência no MPT, Sindicato reforça denúncias contra irregularidades no Bradesco

10/08/2018

Bancos: Bradesco

Compartilhe:

Ocorreu no último dia 30 a audiência que o Sindicato dos Bancários de Bauru e Região solicitou ao Ministério Público do Trabalho para denunciar práticas do Bradesco que resultam no adoecimento dos trabalhadores. A audiência foi com o procurador responsável pelo processo em que o Bradesco foi condenado a pagar R$ 800 mil por danos morais coletivos decorrentes de falhas de ergonomia em seu mobiliário.

Conforme noticiamos na edição anterior deste jornal, o objetivo do Sindicato era apresentar testemunhas da coação que o banco vem realizando no sentido de obter depoimentos favoráveis no processo citado. Além disso, o Sindicato apresentou e-mails com incessantes cobranças de metas (de hora em hora) e ranqueamento individual dos empregados – essa prática fere a convenção coletiva da categoria, que proíbe a divulgação dos nomes de bancários em ranking de metas.

A audiência ocorreu na seção bauruense do MPT, e o Sindicato levou duas testemunhas. Prestaram depoimento Aloísio Cordeiro, funcionário do Bradesco e diretor do Sindicato, e Fernanda, funcionária da agência Falcão.

O Sindicato espera que, com esses depoimentos, fiquem flagrantes as práticas irregulares do Bradesco na região de Bauru e que, com o envolvimento do MPT, o assédio institucional seja inibido. “O adoecimento decorrente de assédio é cada vez mais comum no Bradesco”, afirma Priscila Rodrigues, diretora do Sindicato.

Notícias Relacionadas

Sindicato protesta contra atitude do Bradesco de barrar acesso dos clientes ao estacionamento da agência Nações

Bradesco 01/07/2022

Contra assédio e ameaças de demissão: Sindicato realiza mais um protesto em uma agência do Bradesco

Bradesco 29/06/2022

Bradesco, nos ouça! Sindicato protesta contra demissão de bancária portadora de deficiência auditiva

Bradesco 28/06/2022

Newsletter