SEEB Bauru

Sindicato dos Bancários e Financiários
de Bauru e Região

CSP

Notícias

Contraf-CUT pede que BB crie grupo de trabalho sobre egressos de bancos incorporados

20/02/2024

Bancos: Banco do Brasil

A Contraf-CUT solicitou ao Banco do Brasil que seja criado um grupo de trabalho para discutir as reivindicações dos trabalhadores egressos de bancos incorporados, como o Banco Nossa Caixa. Atualmente, há 8 mil egressos do BNC na ativa.

A principal reivindicação dos funcionários egressos é que o BB conceda o direito de migração do Economus para os planos de saúde e de previdência da Cassi e Previ, nos mesmos moldes dos demais empregados do BB.

Outra demanda importante é a possibilidade de os associados do PrevMais poderem efetuar aportes adicionais com a contrapartida do Banco do Brasil, assim como ocorre no Previ Futuro, de acordo com a evolução da carreira dos funcionários, consignada na Tabela Pontuação Individual do Participante (PIP).

A paridade entre trabalhadores e empresa nas diretorias executivas das entidades; a resolução para assistência médica no pós-laboral dos funcionários, e reciprocidade nas Clinicassis, também são algumas das reivindicações.

O que diz o BB

O Banco do Brasil alega que apesar dos planos de saúde e de previdência dos egressos não serem do mesmo molde, eles apresentam a mesma segurança e estrutura da Previ e Cassi. No entanto, os oriundos não concordam com essa alegação. Isso porque, no caso do PrevMais, do Economus, há apenas a contribuição básica, de 8%, enquanto que, no Previ Futuro, os funcionários podem realizar até 17% de contribuição, com a paridade do banco.

Outra diferença é no plano de saúde da Cassi. Nele, os funcionários podem continuar associados após a aposentadoria. Possibilidade que não existe atualmente nos planos dos egressos.

Para o Sindicato dos Bancários de Bauru e Região, o grupo de trabalho específico dos egressos deveria ter sido criado há muito tempo. Agora, ele servirá, provavelmente, para o banco enrolar ainda mais as demandas dos egressos.

É inadmissível que, passados 15 anos da incorporação do BNC pelo BB, os egressos ainda sofram com a discriminação e irresponsabilidade da instituição. Um banco que apresentou em 2023, um  lucro recorde de R$ 35,56 bilhões, tem completa capacidade de solucionar essas demandas rapidamente e não com tamanha morosidade.

Departamento Jurídico

A entidade possui na Justiça dezenas de ações reivindicando isonomia aos oriundos do Nossa Caixa e já obteve diversas vitórias em relação a esse tema. Para saber mais detalhes ou agendar atendimento com um dos advogados do Sindicato, entre em contato: (14) 99868-4631 ou (14) 99867-8667.

 

Notícias Relacionadas

BB é condenado a pagar gratificação de função após descomissionar bancária indevidamente em Piraju

Banco do Brasil 23/04/2024

BB aprova nova Tabela PIP, em mais uma vitória dos associados do Previ Futuro

Banco do Brasil 22/04/2024

Bancária recebe quase R$ 39 mil por desenvolver doença ocupacional no BB

Banco do Brasil 15/04/2024

Newsletter