SEEB Bauru

Sindicato dos Bancários e Financiários
de Bauru e Região

CSP

Notícias

Comunicação e contra-hegemonia: Sindicato participa do 29º Curso Anual do NPC

23/11/2023

De 23 a 26 de novembro, parte da diretoria do Sindicato dos Bancários de Bauru e Região participa do 29º Curso Anual do Núcleo Piratininga de Comunicação, no Rio de Janeiro. O curso, voltado a sindicalistas e jornalistas, tem como tema deste ano “Comunicação e contra-hegemonia: democratização, novas tecnologias e disputa de poder”.

O objetivo do curso é o fortalecimento da comunicação sindical. Discussões sobre a história do Brasil, com destaque para a herança cultural africana no Rio de Janeiro, o Brasil pós-1930 e a ditadura militar integram a programação do evento (veja abaixo). “Sem luta política não há conquistas de direitos. Sem comunicação não há luta política. Logo, não há conquista de direitos sem comunicação”, diz a coordenação do Núcleo.

Ellen Catini, Fernanda Maragno, Laura Xavier, Roberval Pereira e Rodrigo Mello, são os diretores que estão representando o Sindicato no curso de formação.


Confira a programação

23 de novembro

  • Das 9h às 11: Comunicação e contra-hegemonia: processos culturais e comunicacionais de contestação, pressão e resistência. Palestrantes: Douglas Heliodoro (professor, pesquisador e articulador do Coletivo Conexões Periféricas); Eduardo Granja Coutinho (professor da UFRJ) e Rodrigo Castelo (professor da UNIRIO; Virgínia Fontes (professora da UFF).
  • Das 11h às 13:30: A internet e a democratização (ou não) da comunicação. Palestrantes: Admirson Medeiros (CUT e FNDC); Arthur William (pesquisador da Fiocruz e Wikifavelas e professor do NPC); Bruno Cesar Dias (pesquisador da Fiocruz); Bruno Marinoni (jornalista e militante da DiraCom) e Viviane da Rosa (jornalista e militante do Intervozes).
  • Das 14h30 às 16h: Ecossistema de comunicação da direita. Palestrantes: Fernanda Sarkis (mestre em Comunicação) e Marcus Nogueira (sociólogo).
  • Das 16h às 18h30: Jornalismo na internet. Palestrantes: Antonio Martins (jornalista – Outras Palavras); Emilio Azevedo (jornalista – Agência Tambor); Katia Marko (jornalista – Brasil de Fato); Ronaldo Matos (jornalista – Desenrola e não me enrola).

24 de novembro

  • Das 9h às 11h: A mídia, as empresas e o golpe de 1964. Palestrantes: Beatriz Kushnir (professora do PPGARQ/UniRio); Márcio Castilho (professor da UFF) e Sebastião Lopes Neto (coordenador do IIEP).
  • Das 11h30 às 12h30: Mídia, violência e direitos humanos. Palestrantes: Pedro Barreto (professor da UFF) e Bruno Paes Manso (jornalista, autor de “A república das milícias” e “A Fé e o Fúzil”).
  • Das 14h às 16h30: Passeio histórico pela Pequena África no Rio de Janeiro (com Alexandre Lourenço); Passeio histórico no Museu da República com aula “Brasil pós-30” (com Wolney Malafaia); Passeio histórico sobre a cidade do Rio de Janeiro pós-1900 (com Leon Diniz).

25 de novembro

  • Das 9h às 11h: A comunicação dos movimentos sociais. Palestrantes: Euro Mascarenhas (NPC e Associação de Juízes pela Democracia); Igor Felipe (jornalista do MST); Inessa Lopes (Movimento de Comunidades Populares) e Rozinaldo Miani (professor da UEL).
  • Das 11h às 13h: Comunicação Sindical: o que pensam os sindicalistas. Palestrantes: Tadeu Porto (Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense e FUP); Mauro Borges (Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará); Ana Paula Busato (Sindicato dos Bancários e Financiários de Curitiba e Região); Claudia Santiago (NPC).
  • Das 14h às 15: Como e onde estão as rádios comunitárias? Palestrante: Ed Wilson Araujo (Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária no Maranhão).
  • Das 15h30 às 18h: Tanques de pensamento, privatização da educação e base curricular. Palestrantes: Adriana Farias (professora da UEL); Diego Martins Doria Paulo (professor da UERJ) e Rodrigo de Sá Netto (historiador, pesquisador e técnico do Arquivo Nacional).

 

26 de novembro

 

  • Das 9h às 13h: Filme “Você não estava aqui”, de Ken Loach. Palestrantes: Leon Diniz (professor de geografia); Maria dos Camelôs (coordenadora do Movimento Unido dos Camelôs); Nilza Pereira Almeida (dirigente do Sindicato Químicos Unificados – Regional Osasco e secretária-geral da Intersindical Central da Classe Trabalhadora) e Sebastião Lopes Neto (coordenador do IIEP).

 

Notícias Relacionadas

Bradesco é condenado a pagar 7ª e 8ª horas à bancária que não exercia cargo de chefia

Bradesco 27/05/2024

Sindicato conquista na Justiça condenação do Santander por danos morais à ex-banespiana

Santander 23/05/2024

Caixa registra lucro de R$ 2,9 bilhões no 1º trimestre, mas reduz 168 postos de trabalho

Caixa Econômica Federal 23/05/2024

Newsletter